Ilustradores

Liliane Romanelli é ilustradora e escritora infantil, vive em Belo Horizonte, mas nasceu em Sabará. Formada pela Escola de Belas Artes da UFMG, já ilustrou mais de 200 livros entre literatura e didáticos, revistas e jornais literários, para BH, Rio e SP. “Me identifico muito com a aquarela e acho fascinante este mergulho no universo infantil, cheio de emoção,liberdade, fantasia e resgates”, diz. Pela RHJ publicou Encontro mágico (texto e ilustação) e ilustrou diversos outros: As cores mágicas, Lembrança bate as asas, Olhos de gude, Para sonhar que vive e O pintinho chorão.

 

Luis Sartori do Vale nasceu em Belo Horizonte e é formado em Cinema de Animação pela Escola de Belas Artes da UFMG. Além de desenvolver trabalhos como animador, artista gráfico e ilustrador, estuda na École Supérieure des Arts du Cirque, em Bruxelas, Bélgica, onde mora. Para a RHJ, ilustrou Certas histórias sobre certos insetos, algumas em prosa, outras em verso; Certos nomes;  Ploc! e Diz que tem.

 

Luna Vicente:

Nasci em Porto Alegre, Rio Grande do Sul e atualmente moro em São Paulo. Graduei-me em Educação Artística com licenciatura em Artes Plásticas. Trabalho com ilustração desde 1997, usando a técnica de modelagem com massinha, a qual possibilita a criação do volume e da tridimensionalidade.

Desenvolvi a habilidade para a modelagem na faculdade, quando me dediquei à cerâmica. Iniciei minha trajetória criando para o mercado publicitário. Fazia peças para vídeos, minicenários e animações. Em 2002, ilustrei meu primeiro livro infantil, o Cadê Clarisse?, escrito por Sonia Rosa (Editora DCL) e, depois de outros que vieram, A menina derretida é o meu primeiro trabalho pela Editora RHJ.

 

Marcelo Xavier é um artista plástico cheinho de prendas. Autoditada, iniciou seus trabalhos com ilustração tridimensional em 1986. É formado em Publicidade pela PUC-Minas. Em 1987, publica seu primeiro livro, O dia-a-dia de Dadá, e continua sua produção sempre com ilustrações feitas com massa de modelar, montadas em pequenos cenários e fotografadas. Escreveu diversos outros livros, entre eles Construindo um Sonho, e reuniu textos informativos sobre diversas manifestações do folclore brasileiro.

Principais premiações: Prêmio Jabuti da Câmara Brasileira do Livro, em 1986, 1993, 2001 e 2005; Prêmio APCA – Assoc. Paulista de Críticos de Arte, em 1990 e 93; Prêmio da Associação Brasileira de Escritores, em 1997; Prêmio Fundação Nacional do Livro Infantil e Juvenil, em 1987, 1990, 1993, 1998 e 2001.

 

Márcia Franco fez Belas Artes na UFMG, Educação Artística na Guignard e tem curso de ilustração, feito em Festival de Inverno. Desenhos seus já saíram no Suplemento Literário do Minas Gerais e trabalhos na área de publicidade. Ilustrou diversos livros pela RHJ: Acorda, Luiz!, Cleo Mel e Marina Bonina, História de estrela, Livro das simpatias, Poesia de gente grande e Salada de frutas.

 


Página 5 de 10